Clique aqui para anunciar

Presidente Richard Gere

Presidente Richard Gere

CARLOS TONET

 

 

Tenho encontrado algumas pessoas que não aceitam de jeito nenhum os candidatos que já temos por aí.

Estão à espera de algo novo, surpreendente.

“Tonet, até a campanha vai surgir um candidato diferente, alguém que seja especial”.

Essas pessoas estão à espera do Político Perfeito.

Imaculado.

Uma espécie de Príncipe Encantado da política.

Gente fina, elegante e sincera.

Um Ken da Barbie de governador.

Um outsider que surgirá dois meses antes da eleição.

Esse novo político ainda não existe, o partido dele ainda não existe, pois todos os partidos são ruins e todos os políticos são ruins.

Para essas pessoas decerto o Príncipe Encantado que virá resgatá-las tem uns 35 anos, é alto, bonitão, fala inglês, tem mestrado em Harvard, foi CEO da Hewlett-Packard ou algo assim, responsável pelo reerguimento da empresa.

E é a cara do Richard Gere nos bons tempos.

E o vice do Richard Gere?

Uma mulher.

Mas não uma dessas que temos aí, tipo Ângela Amin, Marina, Simone Tebet.

A vice é uma executiva loira, lindona, elegante, morou cinco anos em Paris, fez doutorado em Dusseldörf, foi consultora da ONU.

Altamente capacitada.

E o partido?

O partido do Richard Gere e da executiva esbelta também surgirá dois meses antes da eleição.

Seu presidente será um negro, mas não um desses negros que vemos por aí.

Um negro estiloso, magro, elegante em ternos bem cortados, PhD em estratégia de negócios, professor convidado da Sorbonne, ex-vice presidente da SAP para a Ásia, responsável pela estruturação da empresa no mercado chinês, onde a levou à liderança.

Vão acabar votando no Narciso Parizotto.

Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado