Patrocinado
Bradescão está animado com a eleição de Bolsonaro

Foto: Divulgação ACIB

Bradescão está animado com a eleição de Bolsonaro

Por Carlos Tonet
Editor do Jornal de Blumenau

 

O Bradescão está animado com a eleição do Bolsonaro e o futuro econômico do Brasil.

O otimismo foi revelado em palestra proferida em Blumenau, em evento que reuniu o presidente do banco, Octávio de Lazari Jr. e o economista-chefe Fernando Honorato Barbosa.

O evento foi organizado pela Associação Empresarial de Blumenau e o próprio Bradesco.

Estive na palestra e anotei alguns destaques do que foi dito:

  1. Bolsonaro está montando uma equipe dentro da agenda que sempre defendeu.
  2. O governo não pode reduzir impostos, mas poderá simplificá-los.
  3. O Brasil é uma das economias mais fechadas do mundo. Mesmo que os empresários não gostem, será preciso abrir a economia.
  4. A simplificação tributária irá permitir que a indústria seja competitiva.
  5. As perspectivas são boas porque temos a menor taxa Selic de todos os tempos, inflação baixa e inadimplência em queda.
  6. A taxa de juro deverá cair, gerando mais financiamento e consumo.
  7. O setor de imóveis irá reagir bem.
  8. A venda de veículos irá aumentar.

 

OS QUATRO PILARES QUE DEVERIAM SER CINCO

Na visão do Bradesco, quatro fatores defendidos por Bolsonaro irão contribuir para o crescimento:

  1. O teto de gastos será mantido.
  2. Independência do Banco Central.
  3. Simplificação tributária.
  4. Abertura comercial.

 

Beleza.

Mas faltou um item que o Bradesco esqueceu: a diversificação do sistema financeiro, com a desconcentração do sistema bancário.

Mais bancos, financeiras, cooperativas e fintechs, para estimular a competitividade em juros, taxas e serviços, algo impossível com a atual concentração bancária da qual o Bradesco tanto se beneficia.

Patrocinado

Agenda

Abba - The History

Réveillon em Blumenau

Festa Virada 2019 - Moinho

Patrocinado
Patrocinado