Patrocinado
Os Sete Samurais contra os economizadores

Os Sete Samurais contra os economizadores

CARLOS TONET

 

Sete vereadores assinaram petição para diminuir de 5% para 3,5% o percentual de repasse anual da prefeitura para a Câmara.

São os Sete Samurais:

  1. César Cim, autor do troço.
  2. Alexandre Matias
  3. Becker
  4. Jens Mantau
  5. Marcos da Rosa
  6. Sylvio Zimmermann
  7. Zeca Bombeiro

 

Essa diminuição vai ajudar bastante a prefeitura, embora alguns digam que não.

 

PORQUE A DIMINUIÇÃO VAI AJUDAR A COMUNIDADE:

  1. A prefeitura faz os repasses mensais tendo por base um valor aproximado do que foi gasto no ano passado mensalmente.
  2. A prefeitura não repassa os 5%, mas apenas o que foi gasto, que dá cerca de 3,5%.
  3. Mas a prefeitura não pode usar a diferença, pois no final do ano ela terá que ter em caixa o valor completo para repassar todo o dinheiro obrigatoriamente, mesmo que não tenha sido gasto.
  4. Somente depois de repassar obrigatoriamente todo o valor é que a prefeitura receberá de volta o que a Câmara não gastou.
  5. Se não precisar mais manter a reserva em caixa para pagar o total devido para a Câmara no final do ano, a prefeitura já pode ir aplicando o dinheiro em coisas importantes e úteis.
  6. Ao baixar o repasse para 3,5%, a prefeitura vai ter mais dinheiro em caixa, mas o presidente da Câmara e alguns vereadores da mesa ficarão tristinhos porque não vão mais poder dizer que são os heróis do povo economizadores.
  7. Por isso oito vereadores são contra e estão esperneando.

 

A TURMA DO CONTRA:

  1. Lanzarin (o presidente economizador)
  2. Bruno Cunha, da mesa economizadora
  3. Almirzão, da mesa economizadora
  4. Prof. Gilson, da mesa economizadora
  5. Ito
  6. Adrianão
  7. Caminha
  8. Jovinão

 

COMO A COISA FUNCIONA:

  1. Hoje a prefeitura repassa 5% da receita corrente líquida.
  2. Dá uns 30 milhões por ano.
  3. No ano passado a Câmara devolveu R$ 8 milhões não usados.
  4. Se o percentual do repasse baixar para 3,5%, não muda quase nada para os vereadores.
  5. A Câmara receberia mais ou menos R$ 21 milhões.
  6. A diferença ficaria em torno de R$ 8 a 9 milhões.
  7. Ou seja, mais ou menos o valor economizado no ano passado.

 

A GRANDE TRETA

  1. A pergunta é: se nada mudaria, por que oito vereadores estão contra?
  2. São contra porque preferem devolver o dinheiro e ficar com famas de bonzinhos economizadores de dinheiro.
  3. O presidente da Câmara sempre será contra porque ele no final do ano vai dar entrevista pra Nereu, Clube e CBN dizendo que foi um grande gestor capacitado inteligente por devolver algo que não precisaria.
  4. Além disso - e talvez o mais importante - tem o chamado ciúme de homem, algo muito comum na política, que acontece quando um político vai contra uma ideia só porque não foi ele que a teve.


Patrocinado