Patrocinado
Celesc condenada a indenizar dono de égua eletrocutada

Celesc condenada a indenizar dono de égua eletrocutada

Celesc Distribuição terá que pagar R$ 40 mil ao proprietário de uma égua de São Joaquim, no Planalto Serrano.

O animal morreu eletrocutado em decorrência da queda de um cabo.

O caso é de 2015.

O proprietário entrou com ação de indenização.

O juiz Ronaldo Denardi, da 1ª Vara da comarca de São Joaquim, julgou procedente o pedido de indenização.

A Celesc recorreu ao Tribunal de Justiça de SC.

Para os desembargadores, a empresa falhou na prestação de serviços de energia elétrica.

(Apelação Cível n. 0300445-48.2016.8.24.0063).

Confira na íntegra AQUI


Patrocinado