Patrocinado

Prefeito veta projeto de transparência dos valores pagos em publicidade

Prefeito veta projeto de transparência dos valores pagos em publicidade


O projeto de Lei nº 7.760, de autoria do Vereador Adriano Pereira (PT), aprovado no ano passado na Câmara Municipal foi vetado pelo Prefeito Mário Hildebrandt, e o veto foi acatado pelos vereadores da Câmara Municipal.

O projeto determinava que fossem publicados no portal da transparência os valores pagos em publicidade e propaganda pela Prefeitura de Blumenau.

O veto precisava de oito votos para ser derrubado, mas foi acatado por seis votos contrários, seis votos favoráveis e uma abstenção do vereador Sylvio Zimmermann (PSDB).

Os vereadores Ailton de Souza (PP), Almir Vieira (PP), Professor Gilson (PSD), Bruno Cunha (PSB), Alexandre Caminha (PP) e o autor Adriano Pereira (PT) se posicionaram contrários ao veto. 

Já o líder do Governo, vereador Alexandre Matias (PSDB) e os vereadores Cezar Cim (PP), Jens Mantau (PSDB), Marcos da Rosa (DEM), Oldemar Becker (DEM) e Zeca Bombeiro (SD) acataram ao veto.

Os vereadores contrários ao veto ressaltaram a necessidade de maior transparência na divulgação dos gastos públicos.

Em seu pronunciamento o vereador Alexandre Matias (PSDB), leu parte do parecer da procuradoria do município sobre a matéria e disse que a proposta criava uma obrigação para o município, interferindo em uma atribuição do governo, o que seria inconstitucional.

Uma vez que foi acatado, o projeto foi encaminhado ao arquivo nesta quinta-feira, dia 28.



Patrocinado