Patrocinado

Vacinação contra febre amarela é intensificada neste sábado, dia 16

Vacinação contra febre amarela é intensificada neste sábado, dia 16


Neste sábado, dia 16, Blumenau promove ações de intensificação da vacinação da febre amarela.

De acordo com o Departamento de Vigilância Epidemiológica (DIVE) de Santa Catarina, de janeiro até março deste ano, foram aplicadas 225.408 mil doses da vacina contra febre amarela no estado.

No município, desde o início das ações foram vacinadas pouco mais de 7,5 mil pessoas, entre servidores municipais em operação interna, bem como a população em geral nas 47 salas de vacina.

Para aumentar o número de pessoas imunizadas contra a doença, neste sábado, quatro dos sete Ambulatórios Gerais (AGs) da cidade funcionarão das 9h às 18h para aplicação das doses da vacina.

Os AGs disponíveis para a vacinação da população blumenauense são: Garcia, Velha, Itoupavas e Fortaleza.

Para adquirir a dose, é preciso levar a carteira de vacinação e um documento de identificação.

A vacina contra a febre amarela está indicada com dose única a todas as pessoas de nove meses a 59 anos de idade e que ainda não tenham sido vacinadas.

Pessoas acima de 60 anos deverão apresentar prescrição médica para receber a vacina.

Em 2018, a rede pública registrou a aplicação de 53.411 doses contra a febre amarela.

Neste ano, antes da intensificação, aproximadamente 10 mil vacinas foram aplicadas.

Os sintomas da febre amarela costumam ser similares aos de uma gripe, como febre, dor de cabeça, náusea e dores no corpo.

A doença pode evoluir para formas graves e até levar a morte.

O médico pneumologista, Laerte da Costa Alberton, do Hospital Dia do Pulmão, explica que o vírus é transmitido por mosquitos transmissores infectados e não existem condições de transmissão de pessoa para pessoa: 

"A febre amarela possui grande impacto epidemiológico, já que apresenta alta gravidade clínica e potencial de disseminação pelo mosquito Aedes Aegypti nos grandes centros urbanos."

O médico ainda ressalta que os macacos não transmitem a doença, e, sim, sinalizam sobre a circulação e surgimento do vírus no local em que vivem:

"A vacina estimula o organismo a produzir anticorpos que impedem que o vírus se instale no corpo humano e ainda é a principal ferramenta de prevenção e controle da febre amarela."

Na rede particular a vacina também está disponível, no Hospital Dia do Pulmão, por exemplo, o atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 20h e aos finais de semana das 8h às 12h.

Além disto, a unidade emite o Certificado Internacional de Vacinação (CIVP), caso o paciente precise.

Empresas com mais de 100 funcionários que tiverem interesse em receber equipes de vacinação contra a febre amarela em suas unidades poderão fazer contato com a Vigilância Epidemiológica pelo telefone (47) 3381-7901.



Patrocinado